O que mudou na minha cabeça depois de quase 2 semanas como au pair

Olá meu leitores mais que queridos, como estão vocês?

Bom, acreditem se quiser, estou bem… indo, levando, sabe como é…

Mas enfim, hoje encontrei uma certa disposição em minha pessoa e resolvi vir postar! 🙂

A gripe graças a Deus está saindo de mim, ainda restam alguns resquicios mas nada comparado a 1 semana atrás! O que já me ajuda bastante com o animo porque Jesus!, muito dificil trabalhar com essa gripe toda, não há corpo que aguente!

Bom, o meu propósito de hoje é falar o que mudou na minha cabeça desde que cheguei e virei au pair de fato, digo em relação a tudo o que envolve match, vida como au pair, essas coisas! E que realmente precisava vivenciar para ver os prós e contras de toda a escolha que fiz… P.S.: minha opinião ok!? 🙂

  1. Banheiro: achava que não iria ter problema algum em compartilhar com as kids, e realmente não é algo que tem me sufocado até agora, mas sim, ter seu próprio banheiro faz tooooda a diferença e você poder tomar banho a hora que quiser é bom né!? :);
  2. Quarto no basement ou em um andar diferente do quarto da sua host family: é um luxo que você deveria de fato pensar, poder chegar a hora que você quiser sem se sentir que está incomodando ou algo do tipo, não tem preço! Meu quarto é colado com o deles;
  3. Carro: por enquanto não está me fazendo falta de forma alguma, adoro andar, explorar a pé e tal, mas quando começar meus cursos, tenho certeza que fará falta e terei que compartilhar o carro com a hosta (vim já sabendo que em algum momento isso iria acontecer), mas fica a dica;
  4. Kids: duas no máximo! hahaha… eu não aguentaria mais que duas, sério!? E talvez 2 em idades maiores, seria legal também! 🙂
  5. Força de vontade: nada vai cair do céu aqui pra você, você tem que perguntar, você tem que fazer, você que tem que correr atrás… estou enfrentando big desafios aqui porque estou esperando sentada as coisas acontecerem e nada está acontecendo, frustração total, hahahahaha…
  6. Aproveitar: invista seu tempo naquilo que você veio fazer aqui, não fique acomodada de jeito algum! (Essa é pra mim mesma!)
  7. Amigos: quero/preciso muito fazer amigos/as não brasileiras (hahaha) para treinar meu inglês, mas não sei como… #perdidatotal!
  8. Desapego: o que anda me frustrando mesmo, é que as vezes eu penso demais na minha vida em Boston, na própria cidade, de como seria tudo se eu fosse au pair lá e tal, não sei, mas eu estou encontrando dificuldades em me sentir a vontade nessa cidade, em DC mesmo, mas enfim, até agora não completei nem 2 semanas né!? Muita calma nessa hora. Comparar tem sido inevitável! 😦

Não sei o que eu estava esperando ao vir pra cá como au pair, mas vou dar tempo ao tempo e ver como tudo vai ficar… essa tal de adaptação está me matando!

Ainda não encontrei o shopping perfeito para compras, o restaurante preferido, o lugar maravilhoso para me refugiar, o bar de toda quinta a noite, mas enfim… ganhei um guia de DC super power e pretendo usa-lo muito para desbravar esse meu novo lar! 🙂

Fico por aqui…

Qualquer duvida, please, let me know!

Xoxo.

Anúncios

8 comentários

  1. Oiii Aline!!! Aaaaaaaaaaah menina, imagino o quanto este começo deve ser dificil mesmo!!! São tantas coisas para nossa cabeça assimilar não é mesmo? Mas tenha fé, viva seu momento, pense no quanto 1 ano passa rápido…e tente aproveitar ao máximo essa experiência única. Se posso dar uma dica: É viva sua cidade, é inevitável comparar a Boston, eu sei, mas tente viver esta cidade em que você mora AGORA, é algo completamente novo para você!! Veja como uma oportunidade (Tenho certeza que vc ja vê assim 😉 ) Tudo vai dar certo para você, tenho certeza. Uma coisa que me preocupa bastante, é também, a respeito dessas amizades brasileiras…não que sejam ruins, mas acredito que quando estamos por aí, queremos explorar ao máximo o idioma. Vou ficar aflita tb. Já entreguei toda minha documentação, tem uns 10 dias…estou aguardando ansiosa o OK da APC. Vamos que vamos…espero mais posts maravilhosos seus por aqui, não deixo de acompanhar suas experiências, estou torcendo por você. Beijos…e ótimo restinho de semana. ;*

    1. Pois é Letícia, nem me fale… pra mim o começo tem sido bem dificil mesmo, mas graças a Deus eu estou melhorando e abrindo a cabeça pra viver direito tudo isso aqui… haha
      Agradeço de coração pela mensagem e pela torcida! 🙂
      Boa sorte pra você e muito sucesso nessa loucura chamada vida de au pair! 🙂
      Beijão!

  2. Nossa! Encontrei seu blog agora e já estou fã. Estou planejando minha vida como au pair em setembro/outubro. É ótimo ver suas experiências.

    Espero que dê tuuuuuudo certo para você, para NÓS!!!

    Fooooorça porque life keeps going!

  3. Fica tranquila que tudo se ajeita Aline ..
    Por ora Just Keeping Walking ….

    Uma pergunta : Quantas horas de experiência com Kids vc colocou no seu APP..

  4. Guria estou fazendo o application agora e esta muito dificil encontrar algum blog atualizado, e ler o que você esta passando me coloca mais os pés no chão!!
    Mas força, como você mesmo disse não espere as coisas sentada!!!
    Vou continuar visitando aqui com certeza!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s